sábado, 5 de fevereiro de 2011

Os poetas e as santas: conversas com mar

Imagem: Preparação para a Festa de Nossa Senhora dos Navegantes.
Foto: acervo pessoal: Teresinha Brandão

Passei o dia ouvindo o que o mar dizia
Eu hontem passei o dia 
Ouvindo o que o mar dizia. 
Chorámos, rimos, cantámos. 
Fallou-me do seu destino, 
Do seu fado... 
Depois, para se alegrar, 
Ergueu-se, e bailando, e rindo, 
Poz-se a cantar 
Um canto molhádo e lindo. 
O seu halito perfuma, 
E o seu perfume faz mal! 
Deserto de aguas sem fim. 
Ó sepultura da minha raça 
Quando me guardas a mim?... 
Elle afastou-se calado; 
Eu afastei-me mais triste, 
Mais doente, mais cansado... 
Ao longe o Sol na agonia 
De rôxo as aguas tingia. 
"Voz do mar, mysteriosa; 
Voz do amôr e da verdade! 
- Ó voz moribunda e dôce 
Da minha grande Saudade! 
Voz amarga de quem fica, 
Trémula voz de quem parte..." 
. . . . . . . . . . . . . . . . 
E os poetas a cantar 
São echos da voz do mar!


Por António Botto, em Canções.

No post imediatamente anterior a este mencionei os versos de uma composição de Leila Diniz e Milton Nascimento: Brigam Espanha e Holanda/ Pelos direitos do mar/ Porque não sabem que o mar/ É de quem o sabe amar.

Com poucos dias de atraso, lembro a Festa de Nossa senhora de Navegantes (02/02/2011), protetora dos humildes pescadores, dos marinheiros, e, sobretudo dos que "dialogam" com o mar... Porque o mar "é de quem o sabe amar". É lindo apreciar o sentimento de religiosidade dos que participam da festa, com os barquinhos e jangadas, enfeitadas com flores e bandeirinhas, carregada de singelos presentes, tudo feito pelas mãos dos próprios pescadores, talvez os que, como os poetas, mais dialogam com o mar e o compreendam... 
.................
"A designação Nossa Senhora dos Navegantes originou-se no século XV com a navegação dos europeus, especialmente dos portugueses. Aqueles que viajavam pediam proteção a Nossa Senhora, para retornarem salvos à pátria.

O simbolismo da mulher corajosa e orientadora dos viajantes fez com que Maria fosse vista como uma eterna vencedora dos inimigos das tempestades. Costuma-se festejar o dia que lhe é dedicado, com uma grande procissão fluvial no Brasil. [...]". Leia mais clicando aqui.

Bjs nossos!!!! Desejamos um ótimo sábado!

Nenhum comentário: